Pesquisa

ok
Home»Nortada»Nortada Detalhe
 
Não há rosa sem botão

Não há poeta sem saudade
nem livro novo sem folhas
nem vento sem liberdade
não há gasosa sem bolhas

Não há poeta sem saudade
nem coração que não chore
nem beleza sem fealdade
não há rosto que não core

Não há poeta sem saudade
nem lua cheia sem luar
nem mentira sem verdade
não há salinas sem mar

Não há poeta sem saudade
nem montados sem sobreiros
nem mulher sem ter vaidade
não há festa sem romeiros

Não há poeta sem saudade
nem morto sem sepultura
nem velho com pouca idade
não há dor sem amargura

Não há poeta sem saudade
nem amor sem sofrimento
nem mulher de toda a idade
que não queira casamento

Não há poeta sem saudade
nem amor sem coração
nem mar sem tempestade
não hó rosa sem botão


Raul Fernando Teixeira de Sousa

 

     
   Imprimir        Voltar        Topo
Copyright © 2007 SBN