Home»Detalhe de Notícias
 
Não haverá despedimento coletivo no Eurobic

O banco garantiu à Febase que o encerramento de balcões será concretizado através da integração de trabalhadores noutros locais e de rescisões de contrato. Brevemente serão iniciadas as negociações para a revisão do AE.

A seu pedido, a Febase reuniu-se com a administração do Banco Eurobic no dia 30 de agosto, tendo em vista o esclarecimento de notícias sobre o encerramento de balcões até final do ano e, consequentemente, as suas consequências para os trabalhadores.

O Departamento de Recursos Humanos informou que o Eurobic tem em curso um plano de reestruturação que contempla o encerramento de algumas agências, já identificadas e comunicadas aos trabalhadores.

Quanto a uma eventual redução de trabalhadores, o Eurobic transmitiu à Febase que não recorrerá a um despedimento coletivo. O processo de encerramento de agências contempla a integração dos trabalhadores em outros locais de trabalho - sem prejuízo económico e social para os transferidos - e por rescisões amigáveis.

Os trabalhadores do Eurobic podem contar com o apoio da Febase, não hesitando em entrar em contacto os respetivos Sindicatos da Febase sempre que considerarem necessário.

A Febase informa também que o banco pretende iniciar, brevemente, a revisão do Acordo de Empresa (AE). Da evolução deste processo será dado conhecimento aos trabalhadores.

A Febase está atenta e atuante na defesa dos interesses e direitos dos trabalhadores. Oportunamente voltará ao contato com os associados.

Comunicado_Eurobic


09/09/2017
     
   Imprimir        Voltar        Topo
Copyright © 2007 SBN