Pesquisa

ok
Home»OPTICA
  SABIA QUE...    


• 50% dos portugueses fizeram o primeiro check up à visão porque tinham problemas em ver.
• 22% responderam que fizeram os testes para um controle regular da saúde visual.
• 5% responderam que nunca fizeram um check up à visão

• 45% dos portugueses responderam que tinham 20 ou mais anos por altura do primeiro teste visual
• 17% tinham mais de 40 anos.
• 19% responderam que tinam menos de 10 anos.
 
89% dos portugueses consideram recomendável fazer o primeiro teste à visão entes da entrada na escola (antes dos 6 anos).

• Segundo o parecer da Organização Mundial de Saúde é aconselhável uma visita ao médico de especialidade de Oftalmologia a cada 2 anos para certificação de uma boa visão.

• Apenas 15% dos portugueses reconhece os perigos dos raios UV para a saúde visual.

• A nível mundial cerca de 16 milhões de pessoas estão actualmente cegas devido às cataratas e a OMS estima que 20% destes casos se devem à exposição aos raios UV sem as devidas preocupações.

• A síndrome da Visão de Computador afecta 85% dos trabalhadores de escritório. A patologia decorre do esforço excessivo dos olhos para focar a curtas distâncias, o que provoca irritação ocular, dores de cabeça, dores nas costas e no pescoço, bem como comichão e secura nos olhos. A má iluminação do escritório, os reflexos do ecrã, a ausência de protectores no visor, a posição inadequada na cadeira ou o abuso do ar condicionado contribuem para o acentuar do problema.

• Uma dieta com alto conteúdo de sal determina uma maior propensão para o desenvolvimento de cataratas, segundo um estudo epidemiológico australiano, que analisou 3 mil pessoas entre os 49 e os 097 anos, permitindo estabelecer uma associação entre uma dieta rica em sal e o desenvolvimento de cataratas do tipo subcapsular posterior, uma forma especial de catarata com alto risco de perda de visão.

• Muitos dos problemas de visão ou dos olhos não tem sinais óbvios ou sintomas pelo que podem existir mesmo sem serem diagnosticados.

• A OMS estima que 15% dos crianças a nível mundial têm problemas de visão não diagnosticadas ou não corrigidas e daí a grande importância da realização de exames visuais regulares.

• As crianças deveriam efectuar, antes do início do ano lectivo escolar, uma visita ao médico oftalmologista para descoberta de eventuais deficiências de vista. Muitas das dificuldades existentes no processo de aprendizagem são fruto de dificuldades de visão que não são perceptíveis ao ambiente familiar.

• Existem já armações e lentes apropriadas ao uso por parte de crianças e jovens permitindo-lhes vantagens quer estéticas quer práticas, nomeadamente para fazer desporto a par dos seus colegas sem constrangimentos.

 
Copyright © 2007 SBN